•  Jó 1:6-12

Todos nós temos um Jó em alguma área da nossa vida. Jó se ternou o adjetivo de sofrimento, mas a mensagem dele é uma mensagem progressiva, que se movimenta e se torna adequada a cada pessoa. Quando falamos de Abraão lembramos da fé; de Davi, coragem; de Samuel, obediência; de Josué, estratégias; de Gideão, ousadia; mas e de Jó? Superação.

Eu quero falar do livro de Jó de uma maneira prática, um homem que viveu e passou por provas e tirou delas o melhor proveito para a vida. O Deus que revoga decretos é a descoberta de chaves bíblicas que anulam todo decreto de falência, desistência, sofrimento, condições que são contrárias ao desígnio de Deus para nossa vida, porém, não podemos apenas rejeitá-los, mas buscar em Deus a autoridade para revertê-los através da Palavra.

Um decreto é uma palavra, estatuto, ordenança, mandato. Para anular um decreto é preciso uma palavra de um superior. Na história de Jó vamos ver que o diabo vem pedir um mandato de Deus para interferir na vida de Jó e Deus o concede, talvez por alguma brecha na vida de Jó, mas mesmo assim, Deus da uma restrição, porém o próprio Deus revogou o mandato, o decreto.

Porque coisas ruins acontecem com pessoas boas? A questão do sofrimento dos justos ocupa um lugar fundamental dessa obra, se as tragédias não podiam ser atribuídas a falhas humanas, como explicá-las então? A busca por uma explicação amplifica a dor de quem está sofrendo. Nós precisamos de um ponto de apoio para suportar os abismos que nossa alma cria. Jó para mim é o maior exemplo, fora Cristo, de alguém que não permitiu que as tormentas da alma e do corpo dominassem sua vida. Tem sido oprimido pelos porquês? Deus vai te levantar do monturo e te posicionar Nele.

Você precisa saber que Deus se apressa em reverter nossos erros para algum propósito útil. Esse é um milagre da graça recicladora de Deus, o Senhor pode dar uma finalidade nobre aos acontecimentos maus. Deus recicla até a dor. Se os fios da tragédia foram tecidos pela mão do criador, eles se converterão em bênçãos. Eu e você precisamos crer nisso de todo nosso coração. Deus não teria outro propósito na nossa vida que não fosse tornar nosso voo mais alto.

“Esse é um milagre da graça recicladora de Deus, o Senhor pode dar uma finalidade nobre aos acontecimentos maus”.

Fique na graça!!!

Pr. Bruno

Comentários

Categorias: Devocional

Douglas Oliveira Rodrigues

Sou jovem, profissional de TI, sei aproximadamente 6 acordes de violão, cristão, adorador, e apaixonado pelo Senhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: